Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

18/02/2016 às 13:29

Grupo de 32 entidades defende Condecine

Escrito por: Redação
Fonte: Meio e Mensagem

Comunicado assinado em conjunto alerta sobre risco ao Audiovisual se liminar favorável a telecoms não for revogada

Em novo comunicado enviado à imprensa nesta quinta-feira, 18, entidades do setor audiovisual expressam sua preocupação quanto à liminar conquistada pelo Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil) em 4 de fevereiro, isentando as empresas de telecom da Contribuição para o Desenvolvimento da Indústria Cinematográfica Nacional (Condecine). A carta é assinada por 32 entidades do setor e alerta a “sociedade brasileira no que se refere ao retrocesso que representa essa ação”.   
 
Entre outros trechos, o comunicado ressalta o crescimento recente do setor audiovisual desde a promulgação da lei 12.485/2011, compartilhando números e prêmios conquistados pelas indústrias de cinema e televisão no Brasil e exterior. “Diante desse cenário, recebemos com enorme surpresa a ação judicial do SindiTelebrasil, que suspende a cobrança da Condecine das Teles. Essa contribuição representa apenas 0,4% de um faturamento conjunto das operações de telefonia e internet em torno de 230 bilhões anuais (dados Ancine)”, afirma.
 
Ressalta que a contribuição de diversos grupos de empresas para o setor contribui para a capacitação de trabalho especializado e gera mais de 450 mil empregos diretos e indiretos num mercado onde atuam mais de 7 mil empresas. “As instituições que subscrevem este comunicado reiteram que a força do diálogo que nos permitiu avançar até aqui será a peça chave que conduzirá à manutenção deste ciclo virtuoso”, finaliza.
 
Entre as empresas que assinam o comunicado, estão o Fórum Audiovisual, o Sindicato da Indústria Audiovisual (Sicav), a Associação Brasileira da Produção de Obras Audiovisuais (Apro), a Associação Brasileira de Cinema de Animação (ABCA), a Associação Brasileira de Produtores Independentes de Televisão (ABPITV), o Congresso Brasileiro de Cinema (CBC) e a Associação Brasileira das Desenvolvedoras de Jogos Eletrônicos (Abragames).