Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

18/09/2017 às 20:31

Radialistas sergipanos acampam em frente a filiada Globo

Escrito por: Redação
Fonte: Fitert

Trabalhadores e dirigentes do Sindicato dos Radialistas de Sergipe realizaram um acampamento, na madrugada e manhã desta segunda-feira (18), em frente à sede da TV Sergipe, afiliada da Globo sediada em Aracaju. Desde fevereiro a categoria vem tentando negociar as demandas da campanha salarial, já com mediação da Delegacia Regional do Trabalho, mas os patrões fazem pouco caso da situação precária dos trabalhadores da Comunicação. 
 
A principal reivindicação dos trabalhadores é a reposição das perdas salariais de 4%, mais 1% de ganho real.
 
“É humilhante e deprimente o que os patrões fazem com os radialistas de Sergipe. Lutamos também contra as reformas trabalhista, previdenciária, contra as privatizações das estatais, a lei da terceirização e o monopólio das comunicações”, ressalta o dirigente do sindicato e secretário de política sindical da Fitert, Fernando Cabral.
 
Após a manifestação, os patrões se comprometeram a se posicionar sobre a pauta de reivindicações e apresentar uma nova proposta até a próxima quarta-feira (20). Se não for condizente a proposta ou o sindicato patronal quebrar mais este compromisso, na sexta a categoria volta a se reunir e já há um indicativo de fechamento da TV Atalaia (afiliada à Record).
 
Além da Fitert, já manifestaram apoio à luta dos radialistas a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras Brasileiros (CTB), o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), a Central de Movimentos Populares (CMP), o  Sindicato dos Servidores da Fundação Nacional de Saúde (SINDIFUSE), entre outras organizações e movimentos.