Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

22/12/2017 às 18:42

Sigamos juntos em 2018

Escrito por: Joaquim Ernesto Palhares
Fonte: Carta Maior

Os desafios são imensos. Em tempos de quebra da neutralidade da rede, urge criarmos uma sólida e combativa rede de comunicação para nos manter unidos

Neste final de ano e em meio a tantas dificuldades que passamos, não poderíamos deixar de registrar nosso agradecimento aos leitores que garantiram a sobrevivência da CARTA MAIOR durante 2017.
 
Aproveitamos, também, para reafirmar nosso compromisso de levar a você o que há de melhor no pensamento progressista e de esquerda nacional e internacional. Cientes de que teremos um ano decisivo para o futuro do Brasil, reafirmamos nossa responsabilidade na luta contra os mais diversos obscurantismos da direita. 
 
A luta por um mundo mais justo e igualitário nos antecede e, certamente, continuará sendo travada no futuro. Muitos deram suas vidas por esta luta, muitos nela permanecem abrindo o caminho para as novas gerações. Temos certeza de que apenas o pensamento crítico, a reflexão e o bom senso combaterão as forças que insistem em massacrar oportunidades e direitos do nosso povo.
 
É por isso que CARTA MAIOR aposta na comunicação enquanto instrumento de transformação social. Em 2018, com sua ajuda, nós continuaremos a nossa missão, trazendo o debate crítico, a reflexão construtiva e os caminhos apontados pelas melhores mentes deste país e do mundo.
 
Os desafios são imensos. Em tempos de quebra da neutralidade da rede, urge criarmos uma sólida e combativa rede de comunicação para que possamos nos manter unidos. Como já afirmamos, a Internet não será mais do jeito que conhecemos hoje. A dominação neoliberal da rede mundial de computadores exige uma reação à altura.
 
Cientes de que temos muito trabalho neste sentido, sobretudo às vésperas de 2018, um ano decisivo para o futuro do Brasil, pedimos a sua adesão ao nosso projeto: torne-se um parceiro da CARTA MAIOR (saiba como aqui), compartilhe o nosso conteúdo e a nossa campanha de doação em suas redes sociais e de contato. 
 
Boas festas,
 
Joaquim Ernesto Palhares
 
Diretor da Carta Maior